O que é locução adverbial?

A locução adverbial é um dos termos formadores da oração. Pode exercer a função de advérbio (quando muda os sentidos de um verbo) ou de adjetivo. Em grande parte dos casos, essa locução é resultado de uma preposição a que se adiciona um substantivo, um advérbio ou um adjetivo. Continue lendo para entender mais sobre o tema.

Afinal, o que é locução adverbial?

Como citamos acima, a locução adverbial é um dos termos constituintes de uma oração. Dessa forma, é imprescindível que se compreenda qual é a sua função e como ela é formada. As locuções adverbiais são bastante utilizadas na modalidade escrita e na modalidade oral.

A locução adverbial nada mais é do que o conjunto de duas ou mais palavras que quando juntas assumem a função de advérbio (alterando o sentido de um verbo) ou de adjetivo.

Boa parte das locuções adverbiais é formada por uma preposição e um substantivo. Mas, há também as que são formadas por adjetivos ou advérbios. Vamos conferir alguns exemplos para entender melhor? 

  • “de novo” (preposição + substantivo);
  • “em breve” (preposição + adjetivo);
  • “por ali” (preposição + advérbio).

Confira abaixo como essas locuções adverbiais podem ser utilizadas nas orações: 

“Laura, você pode me explicar o que aconteceu de novo?” (“de novo” equivale a “novamente”). 

“Em breve, todos saberão do que se trata esse projeto.” (“em breve” equivale a “brevemente”). 

“Acho que os bandidos foram por ali.” 

Locuções adverbiais: confira a classificação

As locuções adverbiais são divididas em classificações. A seguir explicaremos melhor cada uma dessas classificações. 

Locução adverbial de tempo

Locuções adverbiais de tempo consistem em expressões constituídas por duas ou mais palavras que juntas adicionam uma circunstância temporal à oração. Esse tipo de locução responde a pergunta-chave “Quando?”. 

Nessa categoria podemos citar: em breve, de tempos em tempos, pela manhã, à noite, logo mais, à tarde, por vezes entre outras. 

Confira exemplos: 

“Pela manhã, iremos buscar as crianças na sua casa.”

“De tempos em tempos, precisamos fazer a manutenção da piscina.”

Locução adverbial de lugar

Esse tipo de locução se caracteriza por ter duas ou mais palavras que juntas exercem função adverbial. É a locução adverbial que expressa a ideia de localização. Responde a seguinte pergunta-chave: “Onde?”. 

Nessa categoria podemos citar: em cima, para fora, para dentro, ao lado, por perto, à esquerda, à direita entre outros. 

Confira exemplos: 

“Vire à direita para chegar ao destino.”

“Os amigos querem estar sempre por perto.”

Locução adverbial de dúvida

Essas locuções se caracterizam por serem expressões formadas por duas ou mais palavras que juntas adicionam ideia de incerteza à oração em que estão inseridas.

Nessa categoria podemos citar: quem sabe, por certo, com certeza, entre outros.

Confira exemplos:

“Quem sabe ele virá.”

“Por certo Vanessa gosta de nós, não é mesmo?”.

Locução adverbial de intensidade

Essas expressões são formadas por duas ou mais palavras adicionando sentido de intensidade a alguma coisa ou intensidade de uma qualidade.

Nessa categoria podemos citar: de pouco, de muito, de todo, em excesso.

Confira exemplos:

“Ele passou mal porque correu em excesso.”

“Os netos comeram de todo o bolo.”

Locução adverbial de modo

Trata-se do caso em que duas ou mais palavras juntas desempenham a função adverbial de modo. Dessa forma, denotam a ação verbal que está sendo realizada. 

Nessa categoria podemos citar: ao contrário, de soslaio, ao léu, às claras, às avessas, com amor, com gosto, em vão, passo a passo, à vontade, frente a frente.

Confira exemplos:

“Por favor, entrem e fiquem à vontade.”

“Cláudia, pare de fazer tudo às avessas.”

Locução adverbial de afirmação

Ocorre quando duas ou mais palavras juntas exercem função adverbial para afirmar ou reforçar uma ideia positivamente.

Nessa categoria podemos citar: sem dúvida, de fato, por certo, na verdade, com certeza. 

Confira exemplos:

“Sem dúvida, o segundo candidato será contratado.”

“Meus primos virão à minha festa com certeza.”

Locução adverbial de negação

Acontece quando duas ou mais palavras juntas desempenham função adverbial e são usadas para negar uma ideia.

Nessa categoria podemos citar: de modo algum, de forma alguma, de maneira nenhuma, de jeito nenhum. 

Confira exemplos:

“De forma alguma quisemos te ofender.”

“Jaqueline não irá ao jantar de maneira nenhuma.”

Estudando as locuções adverbiais

Quem está se preparando para o Enem e vestibulares deve dedicar parte do estudo de Língua Portuguesa para conhecer melhor as locuções adverbiais. Além desse conteúdo estar presente nas provas de português, contribui para enriquecer a sua produção textual.

Utilizar os diferentes recursos que a língua nos oferece para redigir textos mais coerentes e criativos é fundamental para quem deseja ingressar no ensino superior. Então, se dedique a entender mais sobre as locuções e os diferentes tipos que existem. Vale a pena prestar atenção para incluí-las na sua produção textual a partir de agora. 

Gostou de saber mais sobre as locuções adverbiais? Para conferir mais conteúdos como este, navegue pelo blog do Hexag!

Retornar ao blog