Quais os tempos verbais mais falados em inglês?

Para um bom domínio do inglês é importante saber quais são os tempos verbais mais falados no idioma. Esse entendimento facilita a rotina de estudos, ajudando na priorização do que é mais importante. Obviamente, não significa não estudar as outras estruturas verbais, mas focar nas mais utilizadas. Continue lendo e confira!

Tempos verbais mais falados em inglês

Os tempos verbais mais falados na língua inglesa são: Simple Present, Simple Past, Simple Future, Present Perfect e Present Progressive. A seguir você poderá saber mais sobre cada um.

Simple Present

Esse é o tempo verbal responsável por indicar ações do dia a dia que se repetem, isto é, situações que estão acontecendo no momento. Em outras palavras, indica situações que são verdadeiras no momento em que estão sendo faladas. 

Para a formação de frases negativas ou perguntas, utiliza-se “do” ou “does”. O último é usado junto a terceira pessoa do singular, ou seja, he, she, it. Nesse tempo verbal temos a seguinte estrutura de frase: sujeito + verbo principal + complemento.

Exemplos:

“Does she fight karate?” (Ela luta karatê?)

“He doesn’t paint murals” (Ele não pinta murais)

Simple Past

Esse tempo verbal diz respeito a ações que ocorreram e terminaram em um passado específico. Podem se referir, ainda, a um hábito ou rotina do passado. Há verbos no passado regulares terminados em “ed”. Porém, também existem os verbos irregulares que não obedecem a essa regra. 

Frases negativas são formadas a partir do uso de “didn’t” (que é a forma negativa de “do” ou “does”). A estrutura da frase no Simple Past é: sujeito + verbo principal no particípio do passado + complemento.

Exemplos:

“We arrived late to the party.” (Nós chegamos tarde na festa.)

“They didn’t swim last week.” (Eles não nadaram semana passada.)

Simple Future

Esse é o tempo verbal em que a ação, fenômeno ou evento indicado pelo verbo ainda não ocorreu. Entram nessa categoria previsões, probabilidades, promessas e planos. O futuro em inglês é marcado por “will” (indicativo de planos incertos ou desejos) ou por “going to” (emprega-se nos casos em que há certeza sobre o que vai acontecer). 

Nesse tempo verbal temos a seguinte estrutura de frase: sujeito + will + verbo principal que estará no infinitivo sem “to” + complemento. Outra possibilidade de estrutura de frase é a seguinte: sujeito + verbo to be + going to + verbo principal no infinitivo + complemento.

“Are they going to visit us?” (Eles vão nos visitar?)

“Maybe we will go to the beach later.” (Talvez nós iremos para a praia mais tarde.)

Present Perfect

Esse é o tempo verbal que indica uma ação que se iniciou no passado e que continua acontecendo ou tem influência no presente. Pode referir-se, ainda, a um evento recente ou a uma ação que aconteceu no passado sem um tempo definido. 

Quando utilizado com o advérbio “yet” (ainda), o present perfect indica ações que não ocorreram em frases negativas. Dessa forma, a estrutura da frase fica da seguinte forma: sujeito + have/has + verbo principal no particípio do passado + complemento

Exemplos:

“She has lived here for 20 years.” (Ela mora aqui há 20 anos.)

“He hasn’t texted us yet.” (Ele ainda não nos mandou mensagem.)

Present Progressive (ou Present Continuous)

Esse tempo verbal é também chamado de present continuous. Nele, a ação expressa pelo verbo ainda está acontecendo no momento da fala. Outra possibilidade é que expresse uma situação que, ainda que não aconteça ao mesmo tempo da fala, seja um hábito ou rotina desse período de tempo.

A estrutura da frase nesse caso é a seguinte: sujeito + verbo to be no simple present + verbo principal no gerúndio (ing)(+ complemento da frase).

Exemplos:

“What are you reading?” (O que você está lendo?)

“We are not playing volleyball.” (Nós não estamos jogando vôlei.)

“I am learning to cook.” (Eu estou aprendendo a cozinhar.)

Dicas importantes

Confira algumas dicas sobre os tempos verbais mais falados em inglês e saiba por que você deve dedicar-se especialmente ao estudo deles. 

  • O Simple Present é responsável por mais de 50% dos verbos do inglês; 
  • Os 5 tempos verbais mais utilizados que apresentamos neste artigo somam mais de 95% do uso. Logo, vale a pena dedicar algum tempo para entender as suas conjugações; 
  • Os três principais tempos verbais são os tempos simples. A dica é se concentrar no estudo desses tempos verbais para ter a chance de se tornar fluente;
  • Para se tornar fluente em uma língua, é essencial conhecer os seus principais tempos verbais, afinal é com eles que se forma boa parte das frases. 

Gostou de saber mais sobre os tempos verbais mais falados em inglês? Não se esqueça de estudá-los e praticar com frequência para ter maior domínio da língua.

Aproveite para navegar pelo blog do Hexag para conferir mais dicas de inglês e outras disciplinas!

Retornar ao blog