Conceito de socialismo e suas características

O entendimento do conceito de socialismo é bastante importante para responder corretamente diversas questões do Enem e dos principais vestibulares. É preciso compreender os diferentes tipos de socialismo que existem, suas características e quais países são considerados socialistas atualmente. Vamos entender melhor a seguir?

Conceito de socialismo

Socialismo é um sistema político e econômico que tem como princípio norteador a igualdade. Sua ascensão ocorreu entre o final do século XVIII e a primeira metade do século XIX. Embora seja bastante associado ao modelo marxista, é válido dizer que não existe somente esse tipo de socialismo.  

Principais características do socialismo

Entre as principais características do socialismo podemos citar:

  • Divisão igualitária de bens entre a sociedade;
  • Inexistência de competição e lucro;
  • Estado com poder centralizador (incluindo o controle dos meios de produção);
  • Inexistência de divisão de classes.

Em linhas gerais, o socialismo se caracteriza por ser contra modos de produção privados, busca pelo lucro, competição de livre mercado e existência de propriedades privadas.

Como o socialismo funciona?

O socialismo se caracteriza pela centralização do poder na mão do Estado. Nesse sistema, a população trabalha convencionalmente, no entanto, os empregadores são empresas estatais que são reguladas e fiscalizadas pelo Estado.

Os salários seriam quase o mesmo para todos os trabalhadores, de forma que ninguém receberia mais do que seus vizinhos, amigos ou familiares. Um dos pontos principais é o de não existir diferenças sociais na comunidade. Serviços de transporte, saúde e educação seriam públicos e destinados a todos.

Como o socialismo surgiu?

As ideias socialistas começaram a surgir entre o fim do século XVIII e começo do século XIX. O cenário para o desenvolvimento desse conceito foi o da implantação de grandes indústrias em decorrência da Revolução Industrial.

Os operários das indústrias trabalhavam em condições precárias e não tinham nenhuma perspectiva de mudança. Esse contexto fez com que alguns pensadores começassem a delinear em suas mentes ideias de um regime político em que não houvesse desigualdade social.

Conheça as correntes do socialismo

Como mencionamos, há mais de um tipo de socialismo, confira a seguir quais são eles.

Socialismo Utópico

Trata-se da corrente ideológica delineada pelos primeiros o, como Owen, Rouvroy e Fourier. Dentre suas crenças se destacam a distribuição equilibrada de riquezas e a construção de uma sociedade pacífica e consciente. Alguns pontos eram comuns dentre esses primeiros pensadores socialistas, como serem contrários ao individualismo, à competição e à propriedade privada.

Essa linha de pensamento não acredita em conflitos para a implantação do socialismo. Por esperar condições ideais de aplicação, essa corrente recebeu o nome de socialismo utópico, por ser considerado inalcançável.

Socialismo Científico

A principal característica do socialismo científico, também chamado de marxismo, é ser contra a idealização, pois crê na ativa participação dos operários na implantação do sistema socialista. Karl Marx e Friedrich Engels, os criadores dessa corrente, entendiam que a transformação deveria vir de dentro do grupo de proletários.

O ponto chave dessa corrente socialista é considerar empreender a reforma proletária por meio de uma luta (literal) de classes. Dentre as ideias de Marx estava a de pegar em armas para conseguir uma divisão mais igualitária de bens materiais. O socialismo científico considera que existem apenas duas classes: burguesia (detentores dos meios de produção, que são vistos como exploradores) e o proletariado (operários, aqueles que são explorados).

Socialismo Real

O socialismo real é o implementado em países como Cuba e a antiga URSS (União das Repúblicas Socialistas Soviéticas). O nome faz referência ao fato de ter sido o socialismo que foi realmente colocado em prática. Algumas características passaram por adaptações para funcionar no dia a dia. É interessante mencionar que a centralização do poder foi adotada.

Quais são os países considerados socialistas?

Atualmente, os países considerados socialistas são: China, Coreia do Norte, Cuba, Laos e Vietnã.

Socialismo, Capitalismo e Comunismo: Quais são as diferenças?

Grande parte das pessoas têm algumas dúvidas sobre as diferenças entre socialismo, capitalismo e comunismo. Confira, a seguir, o esclarecimento dessa questão.

Capitalismo

A maioria dos países, atualmente, tem o capitalismo como seu sistema econômico e social. Suas principais características são: meios de produção privados, atividades que visam lucro e trabalho assalariado. Trata-se de um conceito que faz oposição ao socialismo, pregando o fim da divisão de classes e uma presença forte do Estado.

Socialismo

Esse sistema econômico e social visa acabar com os meios de produção privados e centralizar o poder nas mãos do Estado. O sistema socialista busca tornar a renda igualitária independentemente da função exercida por cada indivíduo, acabando, assim, com a divisão de classes. Nesse sistema cabe ao Estado decidir tudo por todos.

Comunismo

Consiste em um sistema econômico e social que possui algumas diferenças em relação ao comunismo. Há a crença no fim do Estado, uma vez que ele pode estar sendo usado por algum grupo de interesse específico, e na busca pelo delineamento dos meios de produção de forma coletiva. Não há centralização do poder no Estado, todos vivem em função de todos.

Conhecendo o conceito de socialismo você está apto a responder uma série de questões que podem aparecer no Enem e nos principais vestibulares!

Retornar ao blog