Vírus – O que precisamos saber para o vestibular/Enem

Temas ligados à saúde costumam ser recorrentes em vestibulares e no Enem, principalmente aqueles que estiverem em voga no momento. Em se tratando de vírus, certamente o coronavírus, COVID-19, será abordado, mas, além dele, existem outros tipos que também devem ser considerados pelos candidatos na hora da preparação.

Neste artigo você ficará por dentro do que é interessante estudar a respeito de vírus para ter um bom desempenho no processo seletivo para conquistar uma vaga na universidade, acompanhe.

O que são vírus?

Os vírus são parasitas microscópicos, geralmente muito menores que as bactérias, e que não possuem células. Por isso, não têm a capacidade de se desenvolverem ou se reproduzirem fora do corpo hospedeiro, que pode ser um animal, uma planta, fungo, bactéria ou o ser humano.

Existem vírus de vários tipos, alguns que podem causar doenças fatais e outros que não provocam nenhum tipo de reação perceptível. Além disso, eles podem ter efeitos diferentes em cada organismo, o que explica quando um vírus é capaz de infectar um ser humano e não um cachorro, por exemplo.

Por serem constituídos de material genético, RNA ou DNA, variam em relação à complexidade. Eles possuem, também, uma capa protéica, que é a responsável por proteger suas informações genéticas.

A principal forma de impedir a propagação de um vírus é através de uma vacina, que necessita de um processo complexo para ser desenvolvida. Para se ter uma ideia, a única doença humana viral já erradicada na história é a varíola.

Doenças causadas por vírus que costumam cair no Enem e em vestibulares

Como já mencionado, os vírus costumam ser um tema recorrente no Enem e em vestibulares em geral, principalmente quando se deseja ser aprovado em um curso ligado às ciências biológicas, como medicina, por exemplo. Nesses casos, pode acontecer de as questões de biologia terem um peso extra sobre a nota.

Para te ajudar a se organizar e não deixar passar nenhum conteúdo importante sobre o assunto na hora de estudar, preparamos uma lista com as principais doenças causadas por vírus que costumam cair em provas.

Coronavírus

Por se tratar do assunto do momento, é bastante esperado que questões relacionadas ao coronavírus caiam em vestibulares e especialmente no Enem. Saber o nome correto do vírus (SARS-CoV-2) e da doença que ele causa (Covid-19) é muito importante.

É interessante estudar sobre as formas de transmissão, medidas de prevenção, além de diferenciar o que é um surto, endemia, epidemia e pandemia, que é a classificação do coronavírus.

AIDS

Um tema que é debatido pela sociedade e pela comunidade médica há vários anos, a AIDS pode estar presente nas provas. A Síndrome da Imunodeficiência Adquirida é causada por um vírus que invade as células responsáveis pela defesa do organismo, que são os glóbulos brancos, tornando-o enfraquecido e suscetível a diversas doenças.

Dengue

A dengue é uma doença que tem números alarmantes no Brasil e que, por isso, também pode estar presentes em questões do Enem e vestibulares em geral. É transmitida pelo mosquito Aedes aegypti através de um vírus que pode ser encontrado em 4 tipos diferentes. A forma mais eficaz de combater a dengue é agindo sobre seu agente transmissor, que costuma se reproduzir em locais com água parada.

Febre Amarela

Mais uma doença viral que voltou a ser notícia, a febre amarela é transmitida por mosquitos. Tem esse nome por conta de um dos seus principais sintomas, que é a icterícia (amarelamento de tecidos e secreções), resultado do efeito que tem sobre o fígado do indivíduo infectado. A principal forma de prevenção é a vacinação, que deve ocorrer pelo menos dez dias antes de se visitar um local com incidência da doença.

Sarampo

Doença infecciosa causada pelo vírus Morbillivirus, o sarampo pode levar a complicações fatais. Seu sintoma mais marcante são manchas vermelhas pelo corpo, além de febre intensa e tosse. Já existe vacina para essa doença, o que oferece imunização total aos indivíduos que a recebem, sendo necessário apenas um reforço depois de 15 anos.

Caxumba

O sintoma mais marcante da caxumba é o aumento das glândulas salivares, localizadas abaixo da mandíbula. Além disso, ela causa fadiga, febre, dores pelo corpo e perda de apetite. O vírus da família Paramyxoviridae, que é o seu causador, é transmitido através do contato com a saliva de uma pessoa infectada ou de gotículas no ar. A principal forma de prevenção é a vacinação.

Rubéola

A rubéola costuma ser confundida com o sarampo por causa do sintoma semelhante, as marcas vermelhas pelo corpo, mas são doenças diferentes, causadas por vírus distintos. Além disso, a rubéola é considerada menos grave, sendo preocupante apenas quando gestantes a contraem, podendo infectar o bebê. A vacina que a previne é chamada tríplice e também protege contra o sarampo e a caxumba.

Zika Vírus

O zika vírus também é transmitido pelo mosquito Aedes aegypti, assim como a dengue. Contudo, se diferencia por também poder ser disseminado através do contato com secreções de pessoas contaminadas e pelo fato de sintomas aparecerem de forma mais branda do que no caso da dengue.

Além de estudar sobre vírus e as doenças causadas por eles que costumam ser mais pedidas em vestibulares e no Enem, procure se manter informado. Afinal de contas, são temas que são constantemente estudados, o que faz com que novidades sempre possam surgir.

Inclua a leitura de notícias na sua rotina de estudos, esse hábito certamente irá influenciar no seu desempenho e poderá te ajudar a conquistar a tão sonhada aprovação.

Leia também nosso artigo relacionado:

–  Doenças Pandêmicas – O que devemos saber sobre elas

Retornar ao blog