Veja assuntos ligados à covid-19 que podem ser tema de redação de vestibular

Os últimos anos foram repletos de incertezas em decorrência da pandemia de Covid-19. A vida como conhecíamos foi completamente alterada, o que era comum até então se tornou a exceção em uma rotina de isolamento social. 

A Covid-19 passou a ditar as pautas das mais diversas áreas, além da saúde, está presente nas discussões a respeito de política, economia, entre outras. Confira a seguir alguns assuntos ligados à Covid-19 que podem se tornar tema de redação do Enem e vestibulares. 

Covid-19: conheça os assuntos que podem ser tema de redação

A pandemia de Covid-19 teve impactos gigantescos para a humanidade, tanto em termos de perdas de vidas quanto em mudanças socioeconômicas. Trata-se de um acontecimento que atravessa várias áreas que são pilares da vida humana. A seguir apresentaremos algumas abordagens relacionadas à pandemia que podem ser temas de redação em vestibulares e no Enem. 

A pandemia e as consequências econômicas

A pandemia de Covid-19 gerou uma crise econômica significativa em escala global que afetou em maior ou menor grau todos os países. No vestibular, a questão pode solicitar que os candidatos transcorram sobre o endividamento das pessoas, cidades e estados. É interessante não falar apenas sobre as consequências econômicas, mas abordar também como elas afetam a vida em sociedade de maneira geral. 

Isolamento social na pandemia e as suas consequências psicológicas 

A combinação da necessidade de isolamento social e o medo constante da morte iminente levaram ao surgimento e agravamento de quadros de depressão, ansiedade entre outros problemas relativos à saúde mental. 

Um tema válido para as redações é a mudança brusca de estilo de vida e o confinamento de milhões de pessoas em pleno século XXI. Para se preparar para temas dessa esfera, leia a respeito das doenças mentais que tiveram seu número de diagnóstico elevado na pandemia.

Consequências políticas da pandemia de Covid-19

Estar a par dos impactos políticos deixados pela pandemia de Covid-19 é importante para quem está se preparando para o vestibular. Como municípios e estados brasileiros passaram por essa fase? Será que eles conseguiram maior visibilidade perante o Governo Federal? Para argumentar bem dentro deste tema é recomendado ler sobre o gerenciamento da crise em diferentes partes do país. 

Configurações do mundo pós-pandemia

Os candidatos do Enem e vestibulares podem se deparar com uma redação que questione como será o mundo pós-pandemia. Nesse tema, é importante refletir a respeito das mudanças de estilo de vida que foram necessárias e se elas se manterão após o fim da pandemia. Durante o isolamento social, a tecnologia teve um papel decisivo para nossa comunicação com o mundo, isso se manterá?

Como a ciência sairá da pandemia?

A ciência esteve no centro de diversas discussões e, por vezes, foi desacreditada. No final da pandemia, a ciência sairá mais forte ou mais fraca? Outro viés possível dentro do tema da ciência diz respeito ao questionamento a respeito dos protocolos para desenvolvimento de vacinas e medicamentos. O tempo recorde para desenvolver vacinas, testes e remédios suscitou essa dúvida.

O impacto da pandemia nas relações internacionais

As relações entre as nações foram impactadas mediante a necessidade do fechamento de fronteiras, por exemplo. O tema da redação pode pedir ao candidato que discorra a respeito de como tais relações serão conduzidas no mundo pós-pandêmico. De que forma a comunidade internacional irá se organizar daqui em diante para solucionar questões humanitárias, econômicas e sanitárias? 

A hiperconvivência familiar

Muitas famílias viram sua rotina mudar com a necessidade do isolamento social e passaram a ter uma convivência muito maior nesse período. As consequências dessa hiperconvivência pode ser o tema da redação. Esse período foi marcado por uma série de conflitos familiares que ganharam forma, como lidar? Com a flexibilização como será a convivência das pessoas entre si?

Liberdade vigiada pela tecnologia

Durante o ápice da pandemia, era imprescindível garantir o isolamento social. Para isso, algumas localidades optaram por usar recursos tecnológicos, como o de geolocalização dos smartphones, para verificar que a regra estava sendo cumprida. Será que medidas como essa violam a liberdade do indivíduo? Houve mudanças nas definições de liberdade? 

Desigualdade social medida pela falta de acesso à internet e educação

O acesso à internet se tornou um importante indicativo social durante a pandemia, especialmente no âmbito da educação. Com as escolas migrando para o online, ficou ainda mais evidente as discrepâncias sociais entre as classes. 

Ao longo dos meses da educação virtual, entrou na pauta a relevância da conexão de qualidade. A falta desse acesso impediu muitos estudantes de seguir no processo de aprendizado. Quais são as consequências de curto, médio e longo prazo dessa diferença de acesso entre os estudantes?

A importância do SUS

A defesa do SUS (Sistema Único de Saúde) se tornou um tema recorrente, especialmente nas redes sociais. Embora o sistema enfrente uma série de problemas relacionados à sua estrutura deficitária, não se pode negar que é essencial para o gerenciamento de uma situação de pandemia. 

Os estudantes podem ser convidados a discorrer a respeito de como essas dificuldades podem ser contornadas para que o SUS ofereça um atendimento melhor para os usuários.

Maior valorização dos profissionais de saúde

Durante a pandemia, os profissionais de saúde que atuaram na linha de frente tiveram o suporte necessário? Há diferentes vieses de abordagem desse tema, desde os cuidados com a saúde mental dos profissionais até condições de segurança financeira para os familiares. A dica é pensar a respeito de políticas públicas para melhorar as condições de trabalho dessas pessoas. 

Leia tudo o que puder a respeito da pandemia de Covid-19 durante a sua preparação para o Enem e vestibulares!

Retornar ao blog