Tipos de sangue – Entenda as classificações, doadores e receptores

O sangue é um componente muito importante para o funcionamento do nosso organismo. Ao levar oxigênio e nutrientes para as células do nosso corpo, ele mantém os órgãos ativos. Apesar de ser um componente comum em todas as pessoas, existem diferentes tipos sanguíneos. É sobre eles que vamos falar neste artigo. Confira!

O que é o sangue

O sangue é um tipo de fluido composto por:

– Plasma – solução aquosa que representa 55% do volume total de sangue;

– Hemácias – são os glóbulos vermelhos, que dão a cor vermelha ao sangue;

– Leucócitos – são os glóbulos brancos, os agentes defensores do nosso organismo;

– Plaquetas – fazem a coagulação sanguínea e representam apenas 1% do volume total de sangue.

Sua principal função é transportar elementos, como nutrientes, anticorpos, moléculas gasosas (oxigênio e gás carbônico), entre outras substâncias. 

O que é tipo sanguíneo

Os tipos sanguíneos diferenciam o sangue de acordo com a presença ou a ausência de aglutininas, também chamadas de proteínas no plasma sanguíneo. Podem ser classificados em A, B, AB e O, segundo o sistema ABC, em conjunto com o fator RH.

Descoberta dos tipos sanguíneos

Essa diferença entre os tipos sanguíneos foi descoberta no início do século XX pelo cientista austríaco Karl Landsteiner, que se dedicou a comprovar que havia diferenças no sangue de diversos indivíduos. 

Em seu experimento, ele colheu sangue de algumas pessoas, isolou os glóbulos vermelhos e fez diferentes combinações entre plasma e hemácias. Como resultado, ele observou que em alguns casos ocorria a aglutinação dos glóbulos vermelhos, formando coágulos. Se isso acontece dentro dos vasos sanguíneos, o fluxo de sangue é interrompido e pode causar a morte do indivíduo. No entanto, havia casos em que essa coagulação não acontecia. 

Foi assim que descobriram o motivo de algumas pessoas morrerem após a transfusão de sangue durante cirurgias. A descoberta foi tão importante para a medicina que, em 1930, Landsteiner ganhou o Prêmio Nobel.

Sistema ABO

O que diferencia um tipo sanguíneo do outro é a presença ou ausência de moléculas de proteína na superfície da membrana dos glóbulos vermelhos, são os chamados antígenos A e B.

Sangue tipo A possui o antígeno A.

Sangue tipo B possui o antígeno B: 

Sangue tipo AB possui os dois antígenos, A e B.

Sangue tipo O não possui nenhum antígeno. 

Os tipos de sangue mais comuns são A e O, que corresponde a quase 90% da população. O restante é formado por B (sendo 10%) e AB (apenas 3%).

Fator RH

O que determina se o sangue é positivo (+) ou negativo (-) é a presença ou a ausência do antígeno D. No caso de uma pessoa que tenha sangue com o fator positivo, significa que o antígeno D está presente. Se for negativo, ele não está.

O fator RH mais presente na população é o positivo, que corresponde a aproximadamente 85% das pessoas. 

Classificação dos tipos sanguíneos

Considerando esses dois fatores (Sistema ABO e Fator RH), podemos classificar os tipos sanguíneos em A+, A-, B+, B-, AB+, AB-, O+, O-. 

Vamos a um exemplo para ficar mais fácil de entender: quando uma pessoa tem o sangue A+, quer dizer que ela tem tanto o antígeno A quanto o antígeno D. Se falamos que alguém tem o sangue B-, ele possui o antígeno B, mas não tem o antígeno D.

Transfusão de sangue

Em casos de cirurgia, anemia grave, hemorragia grave, queimaduras de 3º grau e algumas outras situações, a pessoa precisa receber uma transfusão de sangue. Para que isso aconteça de modo seguro, o sangue que ela vai receber tem de ser compatível. 

Veja abaixo quais são as opções de doação de acordo com cada tipo sanguíneo.

A+

Pode doar para A+ e AB+.

Pode receber doação de A+, A-, O+ e O-.

A-

Pode doar para A+, A-, AB+ e AB-.

Pode receber doação de A- e O-.

B+

Pode doar para B+ e AB+.

Pode receber doação de B+, B-, O+ e O-.

B-

Pode doar para B+, B-, AB+ e AB-.

Pode receber doação de B- e O-.

AB+

Pode doar para AB+.

Pode receber doação de todos os tipos

AB-

Pode doar para AB+ e AB-.

Pode receber doação de A-, B-, AB- e O-.

O+

Pode doar para A+, B+, AB+ e O+.

Pode receber doação de O+ e O-.

O-

Pode doar para todos os tipos.

Pode receber O-.

Incompatibilidade sanguínea

Saber qual é o seu tipo sanguíneo é muito importante principalmente se algum dia você precisar de uma transfusão. Caso o seu organismo receba um sangue que não é compatível com o seu, acontecerão reações imunológicas. 

É como um efeito de rejeição e combate a essa nova substância, defendendo o seu corpo de uma presença estranha. Isso levará a problemas de circulação sanguínea, febre, pressão baixa, coração acelerado e pode levar à morte.

Viu como conhecer os tipos de sangue é importante? Além de ser essencial para casos de saúde, é fundamental para o seu estudo em Biologia se quiser se destacar no Enem e nas provas do vestibular. Acesse o Blog do Hexag Online e saiba mais!

Retornar ao blog