Prova de múltipla escolha: dicas para um bom desempenho

O modelo de prova de múltipla escolha é bastante utilizado em diferentes vestibulares e no Enem. Dessa forma, é importante conhecer métodos para tornar seus resultados mais positivos. Em alguns casos, o nervosismo pode acabar atrapalhando a sua média de respostas corretas. Vamos conferir como ter um bom desempenho?

Dicas para prova de múltipla escolha

Para quem está se preparando para uma prova de múltipla escolha como a do Enem e de vestibulares, reunimos algumas dicas para ter um bom desempenho. Assim você se sentirá mais seguro para resolver as questões, aumentando as chances de obter uma boa nota.

Conheça as provas anteriores

Essa é uma dica de grande importância para quem vai fazer a prova do Enem. Conhecer as edições anteriores do exame te ajudará a entender como a banca trabalha a avaliação dos candidatos. Inclusive, sempre há a possibilidade de que uma questão de edições passadas retorne para a edição atual repaginada.

Faça uma vistoria prévia da prova

Como você pretende usar os minutos iniciais do tempo de resolução da prova? Quem planeja sair respondendo o maior número de questões deve repensar essa atitude. Esse período deve ser utilizado para fazer uma vistoria prévia da prova. Leia, ainda que rapidamente, as questões para entender melhor o que te espera.

Durante a leitura, seu cérebro vai se acostumando com o ritmo e já pode até ir encontrando respostas escondidas em questões seguintes. As provas de múltipla escolha, mais do que avaliar seu conhecimento a respeito de diferentes disciplinas, visam entender a sua forma de trabalhar com a lógica.

Leia os enunciados com atenção e interpretação

Certamente você já ouviu muitas vezes que precisa ler os enunciados das questões com muita atenção, não é mesmo? Porém, mais do que atenção, é necessário se dedicar à interpretação dos mesmos. Leia interpretando qual é o verdadeiro questionamento do enunciado e também considerando as opções de respostas.

Há muitos casos em que esse tipo de prova tem pegadinhas nos enunciados ou nas alternativas. Um candidato com menos atenção e interpretação pode acabar escolhendo uma alternativa errada. Algo que poderia ser evitado se houvesse um pouco mais de dedicação a parte da leitura. Ao resolver provas de edições anteriores, você vai se acostumando com a forma como a banca faz as questões.

Escolha a alternativa “mais correta”

Você não leu errado, dissemos para apostar na resposta que for “mais correta” dentre as propostas pela prova. Fique calmo que explicaremos, não é incomum que algumas questões de múltipla escolha tragam pegadinhas em que uma resposta é possível, mas não necessariamente a correta. Tenha em mente o seguinte mantra: “possível nem sempre é o mais correto”.

Com esse entendimento você conseguirá determinar dentre as alternativas qual é a mais correta. No caso, se trata daquela que responde de forma mais completa o que está sendo perguntado. Fique atento que pode ser questão de detalhe o que torna uma resposta possível, mas não correta, no contexto da pergunta.

Na dúvida, respire e passe para outra questão

É natural que algumas questões te deixem um pouco confuso ou com dúvidas a respeito da resposta correta. Se você está diante de um impasse, o ideal é respirar e passar para outra questão. Ao fazer isso, estará aumentando as suas chances de ser bem-sucedido na resposta.

Dessa forma, sugerimos o método de leitura das questões, concentração para responder e, se tiver em dúvida, deixar um pouco de lado. Enquanto você se concentra em outra questão, a sua mente trabalha paralelamente para chegar à resposta. Isso permite que seu cérebro considere melhor as opções.

Questão de eliminação

Um método excelente para te ajudar a encontrar a resposta correta em uma prova de múltipla escolha é eliminar possíveis respostas erradas. Geralmente, na primeira leitura da questão você consegue identificar uma ou mais alternativas que são visivelmente erradas. Descartando-as você aumenta a probabilidade de responder corretamente.

Contudo, é bem importante que se concentre em fazer uma leitura atenta para ter certeza de que está descartando as opções realmente erradas. Uma prova de múltipla escolha exige do candidato muita concentração e capacidade interpretativa.

Tenha muito cuidado com “todas as alternativas estão corretas ou incorretas”

Ao se deparar com uma alternativa que diz que todas as demais estão corretas ou incorretas, é fundamental ler com o dobro de atenção. Essas alternativas são usadas para confundir e isso não significa que elas estejam erradas sempre. Há casos em que realmente essa é a alternativa certa, mas o candidato deve ter cuidado antes de assinalá-la.

Palavras-chave da confusão

Algumas palavras podem confundir o candidato durante a resolução da prova. São elas: “nunca”, “sempre”, “ninguém”, “todos”, entre outros termos de caráter absoluto. Outra pegadinha com palavras é o uso da palavra “não” em questões em que esse termo surge para contrariar uma ideia inicial que seria correta. Leia bem para ter certeza.

Revise, revise e revise

Revisar as suas respostas é importante para identificar possíveis pegadinhas em que você caiu. Antes de assinalar o cartão de respostas, se concentre em reler para não acabar perdendo uma questão por detalhes.

Com essas dicas você poderá ir muito bem em uma prova de múltipla escolha! Aproveite para conferir mais dicas navegando pelo blog do Hexag!

Retornar ao blog