O que é sensação térmica?

A sensação térmica é apenas uma das inúmeras sensações registradas pela pele humana. A pele é o maior órgão do ser humano e, por isso, se constitui em uma fonte essencial de informações. Através dela detectamos dor, frio, pressão, entre outras sensações. São chamadas de térmicas, as sensações que se relacionam com frio ou calor.

Afinal, o que é sensação térmica?

A pele, como já mencionamos, é o maior órgão do ser humano, sendo essencial para identificar uma série de informações. É possível identificar uma grande diversidade de sensações pela pele, inclusive sensações térmicas (as que se relacionam com frio ou calor). Já percebeu como algumas vezes, após sair de uma piscina ou mesmo do chuveiro, você sente um pouco de frio?

A evaporação de um líquido faz com que a temperatura fique mais baixa, por isso, a sensação de frio quando estamos molhados. Basicamente, isso acontece porque a camada fina de água que permanece sobre a pele absorve boa quantidade de calor. O resultado desse processo é a sensação de frio. Quando há vento, o frio em questão se intensifica pelo fato de que a evaporação da água leva ao abaixamento da temperatura da água.

Sensação térmica, de acordo com a Física, se trata da percepção do ar que pode ser diferente em relação à temperatura real. Logo, a sensação térmica é uma percepção individual. Alguns fatores – como a velocidade do vento, a umidade relativa do ar e a densidade atmosférica – influenciam nessa percepção porque alteram a transferência de energia (calor) entre o meio ambiente e um corpo. Em suma, sensações térmicas são aquelas que identificamos através do nosso corpo e que têm relação com calor ou frio.

O que é temperatura?

Temperatura é a grandeza física utilizada para medir o grau de agitação das partículas que compõem o sistema. Mais agitação molecular leva a choques mais intensos que, por sua vez, geram mais atrito. Isso faz com que quanto maior a frequência dos choques, mais a temperatura seja elevada.

O que é calor?

Outro conceito relevante de esclarecer é o de calor que nada mais é do que a troca de energia entre dois corpos em contato com temperaturas diferentes. O corpo de maior temperatura cede energia para o corpo com menos temperatura. A energia circulante recebe o nome de calor.

A temperatura se constitui em um parâmetro físico que se vale da descrição de um sistema relacionado às noções vulgares de frio e calor, além das transferências de energia térmica que acontecem.

Qual a relação entre temperatura e sensação térmica?

A temperatura influencia diretamente a sensação térmica. Para entender esse conceito, é importante saber que a temperatura é diretamente proporcional à quantidade de energia que um sistema possui.

Sendo assim, quanto mais energia térmica é adicionada a esse sistema, mais a temperatura se eleva. A situação contrária culmina na perda de calor que acarreta na redução da temperatura do sistema.

A diferença de temperatura entre dois ou mais sistemas faz com que aconteça a transferência da energia térmica. De um ponto de vista microscópico, concluímos que esse calor é correspondente à transmissão de agitação térmica entre moléculas e átomos que fazem parte do sistema.

Qual a diferença entre temperatura e sensação térmica?

Em um dia quente e bastante úmido, a sensação térmica é mais elevada do que a temperatura indicada no termômetro. Em um dia com a mesma temperatura, mas com umidade mais baixa, a sensação térmica será mais baixa em comparação com a temperatura registrada pelo termômetro.

Como exemplo, imagine um dia em que a temperatura do ar é de 42°C e a umidade é de 38%. A sensação térmica desse dia será de 52°C. No entanto, caso a umidade fosse de 20% (considerada relativamente baixa) teríamos uma sensação térmica de 42°C, o mesmo que registra o termômetro. Se a umidade do ar fosse 0, então, a sensação térmica seria de 36°C.

Importância do conceito de sensação térmica

Morando em um país tropical como o Brasil, quase não identificamos a relevância do conceito de sensação térmica. Contudo, para quem mora em países frios, como a Rússia, por exemplo, é determinante ficar atento a esse indicador. O abaixamento da temperatura causado pela ação do vento pode gerar sérios problemas de saúde, como a hipotermia, por exemplo.

Um pouco de história

A popularização do termo sensação térmica se deu após a Segunda Guerra Mundial. Durante o conflito, um episódio que chamou a atenção foi o fracasso das tropas alemãs ao tentar invadir o território russo. A Rússia usou o seu inverno rigoroso como parte de sua estratégia militar para deter os alemães.

Após esse acontecimento, o exército dos Estados Unidos desenvolveu um índice de avaliação da sensação térmica de acordo com a velocidade do vento. O índice se popularizou e passou a ser divulgado em conjunto com as temperaturas diárias.

Agora você já sabe o que é sensação térmica! Confira mais artigos informativos como este navegando pelo blog do Hexag!

Retornar ao blog